Voce acha mesmo que seu filho precisa de mais um brinquedo para ser Feliz?


Como é de costume, as crianças esperam receber presentes no próximo dia 12, o Dia das Crianças. E os pais, por sua vez, vão sair para as compras. No mês das crianças, a publicidade surge com força total. Isso, se reflete no consumo de matérias-primas,  energia, água, esgotos industriais, produtos químicos, petróleo, transporte, embalagens, emissão de gases de efeito estufa e diversos resíduos. É inevitável, todo ato de consumo causa impactos positivos e negativos sobre a natureza, a sociedade e a economia. Por isso devemos consumir diferente, sem desperdícios, ampliando assim os impactos positivos e reduzindo os negativos.
O desafio, portanto, é consumir de forma sustentável. Vencer este desafio já é um belo presente para todas as crianças. Isso também significa preocupação com o bem estar dos cidadãos do futuro e ensinar, desde cedo, a responsabilidade do consumidor em relação à conservação da natureza, às relações sociais e na construção de uma economia sólida e sustentável.
É importante que as crianças sejam educadas para entender que o consumo de cada um tem um impacto social, ambiental e econômico. No momento em que as crianças percebem que ao comprar, usar e jogar fora um objeto, por exemplo, nós estamos gerando lixo, as coisas começam a ficar mais claras para elas.




Da mesma forma, é preciso explicar que a imagem que a publicidade vende, de que consumir traz felicidade, não é verdadeira, e que muitas vezes nossas vontades não serão cumpridas. A criança precisa de limites e dizer NÃO é fundamental.

Não existem consequências graves ou traumas aos pequenos quando estes têm seus pedidos negados. O "não poder" e o "não ter" fazem parte de toda a vida e é muito interessante e produtivo acostumarmos as crianças desde cedo a esta peculiar situação. Não se trata de dinheiro e sim de valores. Que valores estamos passando às crianças hoje em dia? Não é porque os pais têm dinheiro que os filhos devem ganhar tudo o que querem.


Devemos ensinar as crianças que existem mais coisas no universo para serem admiradas, observadas, respeitadas, além do que existe em uma loja, e ampliar o leque de opções dos pequenos.
Para não tornar a data extremamente mercadológica, os pais devem pensar em formas alternativas de presentear a criança. Ao invés de comprar um novo brinquedo, um jogo eletrônico ou um celular, os pais poderiam levar as crianças para um passeio cultural ou recreativo.
Uma ótima oportunidade para juntar a família e, em conjunto, fazer um piquenique com uma refeição ao ar livre, trocar ideias, afeto, contar às crianças sobre suas memórias de infância, cheiros, cores e sabores, sempre conectando com o meio ambiente, brincadeiras e muitas outras coisas.

Sair da rotina é sempre bom e melhor ainda se trouxer novos estímulos aos pequenos. Na impossibilidade de viajar ou passar alguns dias em um sítio ou fazenda, um passeio ao parque ou uma visita ao zoológico são boas alternativas para reunir a família e se desligar um pouco da televisão e dos jogos eletrônicos. Levá-las a praças, parques ou zoológicos: as crianças adoram passeios ao ar livre.


É uma oportunidade para ensinar a elas a relação que nós, seres humanos, temos com tudo que nos rodeia e a importância de conservar os seres vivos, como plantas, árvores e animais. Priorizando sempre parques e zoológicos que têm espécies em vias de extinção  aproveitando assim, para reforçar a necessidade de conservar o meio ambiente. Muitos parques têm estrutura para a prática de atividades físicas, como andar de bicicleta, jogar bola ou, simplesmente, correr.


Outra opção é a leitura, as editoras brasileiras já contam com uma rica diversidade de livros infantis, de autores nacionais e estrangeiros, que mostram às crianças, de forma simples e educativa, a importância de respeitar e preservar a natureza e o próximo.

As crianças crescem rápido e logo enjoam dos presentes recebidos em outras ocasiões. Uma boa iniciativa é sugerir a doação de brinquedos em bom estado a orfanatos e outras instituições. Além de fazer o bem, a ação ensina princípios como cidadania, responsabilidade ambiental e consumo consciente.
Atualmente, poucas crianças conhecem a sensação de brincarem tendo como centro das atenções elas mesmas e suas próprias energias. Amarelinha, Esconde-Esconde, Mãe da Rua, Estátua, Elefante Colorido e diversos outros passatempos estimulam a criatividade e o exercício físico.


Sem falar na obesidade infantil que atualmente é considerada uma consequencia do consumo infantil desenfreado e que vem sendo bastante discutida pela mídia. Cada vez mais as crianças são induzidas a consumir alimentos ultra-processados e com alto teor de sal, gorduras e açúcar. Os apelos são inúmeros: publicidades na TV, embalagens com desenhos divertidos e coloridos, venda de brindes com alimentos, etc.


Ainda tem a questão da adultização infantil. As meninas de hoje, por exemplo, estão cada vez mais parecidas com as mulheres: vestem roupas iguais, fazem a unha e escova nos cabelos, usam salto alto e maquiagem – tudo produzido na versão mirim. Só que são apenas meninas, às vezes bem pequenas, que não estão preparadas para lidar com o mundo adulto. São muitos os problemas, como estresse familiar, violência, consumo precoce de álcool e a diminuição das brincadeiras criativas. O consumismo tira o espaço e o tempo de ser criança.


Vários estudos mostram que a publicidade tem um papel importante no consumo infantil.  Para isso é preciso educação e regulação. É necessário conscientizar pais e educadores sobre o problema do consumismo na infância e seus impactos no desenvolvimento dos pequenos.
É muito importante que a família e os educadores desenvolvam um trabalho conjunto quanto à tomada de consciência e demonstrem isso em posturas visíveis no dia-a-dia, para que auxiliem as crianças a compreender o sentido dessas ações
Paremos para refletir. Olhemos para a infância que nos circunda e rememoremos nossa experiência infantil. Assim, talvez possamos subverter a ordem estabelecida do consumismo desenfreado e encontrar uma forma mais sincera de homenagearmos nossas crianças.  

 

"Todos pensam em deixar um planeta melhor para nossos filhos...Quando é que pensarão em deixar filhos melhores para o nosso planeta?"


Esse post  é a minha participação na Teia Ambiental . Esta blogagem coletiva organizada pela Flora e Gilberto, acontece todos os dias 7 de cada mês desde 2010. Vim conhecer essa linda iniciativa através da querida Rute
  Participe você também, o ambiente agradece!


Imagens: www.google.com 



 EXCELENTE DOMINGO A TODOS













25 comentários:

Prata da casa postou o comentário número:

Bom dia Josy: muito bom este texto que reflete a preocupação com o ambiente e com o consumo desenfreado. Ótimas as sugestões alternativas.
Bjs e bom domingo
Márcia

Guloso e Saudável postou o comentário número:

Bom dia querida amiga,
Texto bastante realista, muito bom e totalmente adequado para a data, concordo em pleno.
Beijo, bom domingo,
Vânia

Catarina postou o comentário número:

Um excelente domingo tb para a Josy. Um texto com o qual concordo plenamente.
Bjos : )

Ilaine postou o comentário número:

Josy, querida!

Que post precioso.
O que já vale um presente material.
Nada como um abraço e muito carinho.
Christian, meu filho, aniversaria dia 12- data fácil de guardar. E que felicidade!

Beijo no coração

Orvalho do Céu postou o comentário número:

Olá, querida Josy
Cheguei hoje do Norte do Brasil e da fronteira boliviana...
Estão preparando por lá o Natal dos carentes com tantos brinquedos novos e rejeitados pelos mais favorecidos... Lindo isso!!!
Seu post me fez recordar do reaproveitamento em favor dos que não têm nada... O desperdício não tem mais nada a ver... O amor tem sido trocado pelo material...
Lindo!!!

Seja na grama molhada pelo orvalho
O lugar não importa
Estou a tua espera
(Selma)
Abraços ecológicos de paz

Joana postou o comentário número:

Josy minha querida,
que post tão lindo... Tem toda a razão! A comunicação social em nada ajuda sempre com publicidades a mais, e mais brinquedos!!! No Natal aqui é horrivel!
Quando era pequenina nunca tive nenhuma prenda no dia das crianças, era um dia igual aos outros... E acho que é assim que deve ser... Todos os dias são dias das crianças, dos pais, das mães! É para vivê-los com amor e carinho!!!
Um beijinho e bom domingo

são33 postou o comentário número:

JOSY O SEU POST ESTA EXCELENTE.
SEMPRE DEI PRESENTES AO MEU FILHO MAS SEM EXAGERO MAS QUANDO JÁ NÃO BRINCAVA COM ELES EU DIZIA PARA ESCOLHER OS QUE NÃO QUERIA PARA DAR E LEVAVA PARA UMA INSTITUIÇÃO DE CRIANÇAS. AS VEZES ELE MESMO CHEGAVA AO PÉ DE MIM E DIZIA
-MÃE PODES DAR ESTE BRINQUEDO QUE JÁ NÃO QUERO.
BOM DOMINGO
BJD

Sabor no Prato postou o comentário número:

Olá Josy!! Estas informações são muito importantes mesmo. Muito bom o texto. Temos que ensinar as crianças a ter outras prioridades na vida.

Bom domingo. Fabiana.

Biane Carvalho postou o comentário número:

Amei esse post... mto interessante..



blogdabiane.com.br

Rosinha Benvenga e Teresinha Putrini Bortolotto postou o comentário número:

oi Josy,muito bom esse seu post,pelo menos os meus filhos quando pequenos,sabiam o que significava a palavra não,hoje os pais acham mais comodo dar tudo o que a criança querem,como se fosse uma especie de recompensa,acho isso muito errado,bjs Rosinha

Andréa postou o comentário número:

Boa tarde minha amiga,
texto lindo e super esclarecedor, parabéns!
Acho essas datas só comércio, tantas crianças que sofrem e são excluídas pela falta de amor, são escravizadas pelos próprios pais, o dia da criança é todo dia, mas tem essa data do dia 12, acho que na semana da criança os pais deveriam refletir mais, e ficar com seus filhos, aproveitar ao máximo os bons momentos, a vida é tão curta e passa tão rápido.

Beijos, tenha um domingo super abençoado!

Narwen Ninniach postou o comentário número:

Adoro os seus posts de domingo...são sempre tão profundos e fazem-me sempre pensar...
Concordo plenamente com o texto...as prioridades das crianças estão trocadas/erradas...

Beijinhos

Mary - Strawberrycandy postou o comentário número:

Josy, o post é lindo e cheio de informações enriquecidoras sem dúvida alguma,...conceretza que quem o ler não passará despercebido,...
Beijinhos,
http://strawberrycandymoreira.blogspot.pt/

arte da sadhia postou o comentário número:

concodo com voce amiga ..disse bonito ...eu memsa só dou o necessario para os meus meninos
bjokas

RUTE postou o comentário número:

Olá querida Josy,
saudade de passar por aqui. Porém, confesso que me soube bem um descanso blogosferico :)
Adorei seu post, em especial a frase final: "Todos pensam em deixar um planeta melhor para nossos filhos...Quando é que pensarão em deixar filhos melhores para o nosso planeta?"

A reflexão que você sugere é pertinente mas super necessária. Felizmente nós fazemos tudo o que foi recomendado: piquenicamos no parque, visitamos a biblioteca municipal, vamos ao teatro e raramente ligamos a TV, por isso não assistimos publicidade.

Mas você tem toda a razão, a publicidade é um assédio, lá isso é! Coitadas das crianças.
Beijinhos.
Rute

Executiva de Panela postou o comentário número:

Acho que aos pouquinhos os pais vão se conscientizando sobre os valores importantes e fundamentais na criação dos filhos. Felizmente há vários programas na TV e educadores orientando sobre o tema. Beijos, Paula

lili postou o comentário número:

Não. Mas ele pode ganhar um novo, se doar um velho em bom estado

Milia postou o comentário número:

Dios mio Josy, que razón tienes, me ha encantado tu post, tu reflexión final es en una verdad como un templo, que debía ser de obligado cumplimiento.
Un besiño amiga

Criar Com Coração postou o comentário número:

oi amiga, obrigado por tudo, sempre com palavras carinhosas, mesmo sem saber me ajudou muito, obrigado pela força...sei que vou superar, estou buscando isso...beijos e volto com mais calma para ver tudo aqui q perdi...vou fazer uma caminhada agora, tenho feito muitas amigas...beijos e boa semana

CamomilaRosaeAlecrim postou o comentário número:

Adorei este post Josy, muito bem falado e representado, parabéns!
Temos que pensar e agir e não deixar o consumismo ganhar em nossa casa...eu tento!
Te desejo uma ótima semana, muita paz, força e realizações!
Beijos
CamomilaRosa

Cristina postou o comentário número:

Parabéns pela iniciativa e participação nesse movimento Josy, o texto é pertinente e esclarecedor e muitas pessoas precisam acordar para a criação de filhos melhores para o mundo!Eu tenho apenas um menino hoje com 14 anos, nem sempre ele foi presenteado por mim, mesmo em datas especias, qdo ele me perguntava sobre isso, eu respondia: vc tem tudo que precisa para ser feliz e ele sempre concordou com minha resposta...ensinar valores e saber dizer Não é na minha opinião o melhor presente que se pode dar a um filho!
Uma semana abençoada para vc!!

Adelaide Araçai postou o comentário número:

Lindissimo texto...você colocou aqui o que eu penso, em cada linha...
Detalhe aqui como quando minha filha nasceu eu resolvi que iriamos nos alimentar melhor, então o dia das crianças sempre foi o dia em que não precisa respeitar as regras, pode comer e beber o que quer....se quiser....Mas como eu nunca sito opções a única alteração que ela sempre pediu foi almoçar fast food...e neste dia alem de carinho e passeios em família ela também pode comer isso na hora que desejar.....
Presentes são para o Natal e aniversário e só se tirar alguns para doação....detalhe nunca coloco brinquedos quebrados para doar, nem rasgado....tudo o que precisa de conserto simples, tipo uma costura, um olho...eramos nós que faziamos juntas antes de colocar para doação.

Muita Luz e Paz
Abraços

Carminha Lyra Andrade postou o comentário número:

Bom dia Josy.
Ótimo texto.
Excelente para a reflexão ......

Cozinha de Mulher postou o comentário número:

Amiga linda que participação em?
Adorei... cada palavra, cada pensamento colocado aqui.
Eu também penso como você e sempre tentei não associar a ideia de que aniversário, natal precisam ter presente.
E tem dado certo rsrs
E aproveito que são loucas por leitura e gosto de no mês de aniversário de cada uma, não necessariamente na data, levá-las para que escolham livros que gostam.
Gosto de fazer os dias especiais.. isso com aquela comidinha que tanto apreciam, com passeios em lugares que gostam, porque sei que as lembranças serão pra sempre, o presente não..
Semana que vem mesmo formiguinha Talitha está de niver e quero muito fazer algo legal no domingo pra comemorar essa data tão fofinha.. Um passeio no Parque com direito a um pequenique rsrs
Hummmm vai ser bom por demais. rsrs

Olha amiga eu adorei o seu post viu? Nos faz pensar mais sobre nosso futuro e o futuro dos nossos filhos..
Parabéns viu?
Um beijo carinhoso e uma semaninha linda..

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...