Minimamente Feliz




 “A felicidade é a soma das pequenas felicidades”.

Li essa frase num outdoor em Paris e soube, naquele momento, que meu conceito de felicidade tinha acabado de mudar.
Eu já suspeitava que a felicidade com letras maiúsculas não existia, mas dava a ela o benefício da dúvida.
Afinal, desde que nos entendemos por gente aprendemos a sonhar com essa felicidade no superlativo.
Mas ali, vendo aquele outdoor estrategicamente colocado no meio do meu caminho (que de certa forma coincidia com o meio da minha trajetória de vida), tive certeza de que a felicidade, ao contrário do que nos ensinaram os contos de fadas e os filmes de Hollywood, não é um estado mágico e duradouro.



Na vida real, o que existe é uma felicidade homeopática, distribuída em conta gotas.
Um pôr-de-sol aqui, um beijo ali,


 Uma xícara de café recém-coado, um livro que a gente não consegue fechar,

 

 Um homem que nos faz sonhar, uma amiga que nos faz rir.

 São situações e momentos que vamos empilhando com o cuidado e a delicadeza que merecem alegrias de pequeno e médio porte e até grandes ainda que fugazes alegrias.
Eu contabilizo tudo de bom que me aparece, sou adepta da felicidade homeopática
Se o zíper daquele vestido que eu adoro volta a fechar (ufa!) ou se pego um congestionamento muito menor do que eu esperava, tenho consciência de que são momentos de felicidade e vivo cada segundo.



Alguns crescem esperando a felicidade com letras maiúsculas e na primeira pessoa do plural: Eu me imaginava sempre com um homem lindo do lado, dizendo que me amava. Agora, se descobre que dá pra ser feliz no singular: Quando estou na estrada dirigindo e ouvindo as músicas que eu amo, é um momento de pura felicidade. Olho a paisagem, canto, sinto um bem-estar indescritível.






Uma empresária que conheci recentemente me contou que estava falando e rindo sozinha quando o marido chegou em casa. Assustado, ele perguntou com quem ela estava conversando: Comigo mesmo, respondeu. Adoro conversar com pessoas inteligentes.
Criada para viver grandes momentos, grandes amores e aquela felicidade dos filmes, a empresária trocou os roteiros fantasiosos por prazeres mais simples e aprendeu duas lições básicas: que podemos viver momentos ótimos mesmo não estando acompanhadas, e que não tem sentido esperar até que um fato mágico nos faça felizes.
Esperar para ser feliz, aliás, é um esporte que abandonei há tempos.

E faz parte da minha dieta de felicidade o uso moderadíssimo da palavra ‘quando’.

Aquela história de quando eu ganhar na Mega Sena, quando eu me casar, quando tiver filhos, quando meus filhos crescerem, quando eu tiver um emprego fabuloso, quando encontrar um homem que me mereça, tudo isso serve apenas para nos distrair e nos fazer esquecer da felicidade de hoje.
Esperar o príncipe encantado, por exemplo, tem coisa mais sem sentido?



Mesmo porque quase sempre os súditos são mais interessantes do que os príncipes; ou você acha que a Camilla Parker-Bowles está mais bem servida do que a Victoria Beckham?
Como tantos já disseram tantas vezes, aproveitem o momento, amigos.
E quem for ruim de contas recorra à calculadora para ir somando as pequenas felicidades.
Podem até dizer que nos falta ambição, que essa soma de pequenas alegrias é uma operação matemática muito modesta para os nossos tempos.
Que digam!
Melhor ser minimamente feliz várias vezes por dia do que viver eternamente em compasso de espera

Leila Ferraz, jornalista

Imagens: www.google.com

                                                           Feliz Domingo a Todos


14 comentários:

Guloso e Saudável postou o comentário número:

Olá Josy,
Eu também há algum tempo considero que a felicidade plena inexiste, o que existe é a soma de momentos de felicidade.
Muitos momentos felizes para si neste domingo, beijo,
Vânia

Margarida postou o comentário número:

Josy minha doce e querida amiga, adorei essa sua mensagem de bom domingo... uma mensagem linda de paz e tranquilidade... muito bom mesmo!!

Mas agora vamos falar de assuntos muito serios... quem mandou vc tirar uma foto do meu carro quando eu estava conduzindo ele nas curvas da Serra da Estrela??? eu sei que meu carro é lindo... mas nao precisava fazer publicidade para ele ehehehehe!!!

Brincadceirinha amiga... confesso que nao preciso de um "carrao" para ser feliz... preciso de bens morais, de amigas/os... de amor.. de carinho de compreensao de um aperto de mao de um beijo de um olhar desde que tudo isso seja sincero!!!

Beijocas

Brechique da Dodoca postou o comentário número:

Minha querida amiga,
este texto é o mais perfeito que já li, até hoje, sobre viver!
Tomei a liberdade e o copiei: enviei às minhas filhas como recomendação para que fizessem dele uma prática de vida. Porque penso que quando nos focamos na felicidade ela se multiplica, nosso humor melhora, nos tornamos melhores companhias, conquistamos mais pessoas à nossa volta e, o mais importante, conquistamos a nós mesmas!
Muito obrigada, amei!
Bjsssssssssssss, quérida!

Claudia (Perfeita Ordem) postou o comentário número:

É isso mesmo minha amiga!
Ao longo da vida aprendemos que são as pequenas felicidades que fazem a vida valer a pena.
E temos várias delas todos os dias, basta prestar atenção.
Acabo de ter uma, agorinha mesmo!
Ler o seu texto e estar aqui no meu cantinho podendo te visitar é sem dúvida alguma um momento de felicidade!
Grande beijo minha amiga e que sua semana seja repleta de momentos felizes!

A Autora do blog postou o comentário número:

Josy,

Adorei este texto.
Está tudo dito! E, é tão simples ser feliz mas, o ser humano teima em complicar e em não ver beleza nas coisas mais simples da vida.

Bjs

http://asvezescozinheira.blogspot.pt

Shapalmas postou o comentário número:

Oi Josy...vim te contar uma coisinha e acabei me deparando com esse texto "tudo a ver"...
Apesar de acreditar no Leila escreveu,que a felicidade é uma some de momentos,acredito também que não sou a única a esperar,as vezes claro,que algo mais venha pra te fazer realmente feliz...
Claro que hoje,sendo mãe,vejo a felicidade a cada segundo que vejo e sinto o meu pequeno respirar,o que pra mim já é a maior felicidade do mundo,vê-lo sorrir,correr,brincar...você é mãe,sabe do que estou falando...mas confesso que ainda guardo aquela menina sonhadora dentro de mim...ai ai ...se a vida fosse mesmo um conto de fadas...rsss

Então amiga,vim te contar que estou fazendo umas empadinhas que peguei a receita aqui no seu blog,eu só espero que fiquem boas,pois essa é a primeira vez que arrisco,então...torce por mim hehehe
Depois de prontas te conto como ficou...se ficarem boas publico rsss

Beijinhos e um bom restinho de domingo...

Sharon
http://viramexeefaz.blogspot.com/

Andréa postou o comentário número:

QUERIDA JOSY,
SER FELIZ É TER DEUS SEMPRE AO NOSSO LADO NOS CONDUZINDO PARA O CAMINHO CERTO, É TER BONS AMIGOS E PODER CONTAR COM ELES NAS HORAS BOAS E TRISTES, TER UMA FAMÍLIA QUE NOS AMA. VIVER A CADA INSTANTE COM SAÚDE ACHO QUE É UMA GRANDE ALEGRIA E FELICIDADE, TRABALHAR FAZER O QUE A GENTE GOSTA, SÃO TANTAS COISAS QUE NOS DEIXAM FELIZES NÃO É?
PARABÉNS PELO POST, É ÓTIMO PARA REFLETIR.

FICA DOM DEUS!
BJS D ♥

Danni e Lype postou o comentário número:

Querida Josy,
Uma mensagem mais bonita que a outra...
Parabéns, amiga!!!
Desejo muitos momentos de felicidades em toda sua vida porque você merece...
Você é D+++!!!
Grande beijo e uma ótima semana, Irene

RUTE postou o comentário número:

Magnifico o conceito de felicidade homeopática.
Se você tiver oportunidade de encontrar à venda, recomendo a leitura do livro DA FELICIDADE de Hermann Hesse. Tem tudo a ver com esse texto. É um livro singular.
Beijinhos de boa semana.
Rute

CamomilaRosaeAlecrim postou o comentário número:

Bom dia querida Josy...você estava muito inspirada quando construiu esta postagem...adorei! Com fotos que me lembrar velhas felicidades!
E somando as felicidades me vejo no meu presente....feliz com a vida que construi!
Adorei, parabéns!
Beijos, uma ótima semana e muita paz!
CamomilaRosa

Adelaide Araçai postou o comentário número:

Lindo! Expressa bem a forma como penso.... Atualmente não tercerizou minha felicidade e nem mesmo a protelo, preciso ser feliz hoje, agora, já....e isso só é possível se eu valorizar cada pequena coisa, gesto ou pessoa.

Amei a parte que ela diz que fala sozinha por que adora conversar com pessoas inteligentes....eu também o faço e agora tenho a frase perfeita!


Abraços

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...